5 Curiosidades para o planejamento de rotas

5 Curiosidades para o planejamento de rotas

share on facebookshare on likedin
18/05/2022

Para quem lida com frotas elétricas, planejar as rotas a serem utilizadas é um dos fatores fundamentais para a sua máxima eficiência. Neste artigo, vamos trazer 5 curiosidades para você, que lida com frotas ou tem a pretensão de utilizá-las, conhecer mais a respeito desta área tão importante para a mobilidade elétrica.

1- Veículos elétricos performam melhor em rotas urbanas

Pode parecer contra intuitivo para quem está acostumado com os veículos convencionais (a combustão), mas os elétricos performam melhor em rotas urbanas, devido às constantes frenagens características deste tipo de trajeto. Isto é possível através de uma tecnologia que consegue utilizar a energia cinética dissipada para recarregar as baterias e ampliar a autonomia dos veículos elétricos.

Como funciona?

O que acabou de ser descrito acima é denominado freio regenerativo, e é executado por meio de um sensor, que envia sinais a um módulo eletrônico a fim de converter o propulsor (motor do veículo elétrico) em um gerador, que aproveita a energia cinética do movimento das rodas para gerar a energia disponibilizada para a bateria. De acordo com a marca alemã Porsche, o freio regenerativo é capaz de acrescentar quatro quilômetros a mais de autonomia às baterias em uma frenagem a 200 km/h até a parada total do veículo. (Fonte: freio regenerativo)

Portanto, caso a rota em que você esteja interessado em atuar seja mais urbana, saiba que a adoção de veículos elétricos pode ajudá-lo a tirar o máximo de proveito deste percurso.

2- A presença de um Corredor Verde no Brasil

Apesar do atraso em relação aos outros países em certos aspectos, o Brasil já tem uma infraestrutura que viabiliza o uso expressivo de veículos elétricos para realizar rotas mais extensas, como o Corredor Verde, viabilizado pela Neoenergia.

Corredor verde da Neoenergia

O Corredor Verde da Neoenergia é o maior projeto de mobilidade elétrica do Nordeste. Seu objetivo é criar o primeiro corredor de eletropostos da região, com 18 pontos de recarga ao longo de 6 capitais e 70 municípios, sendo 12 de recarga rápida em rodovias, e 6 em shoppings. Para saber mais sobre o Corredor Verde e o trabalho desenvolvido pela Neoenergia, acesse o conteúdo do blog da Voltbras: cases para entender como o setor elétrico abraça a mobilidade elétrica.

Infraestruturas como a descrita acima são fundamentais para planejar a rota dos seus veículos, pois ao obter clareza do que pode ser oferecido no trajeto, os recursos necessários podem ser medidos com maior precisão, o que evita custos desnecessários. Além disso, projetos como o Corredor Verde fortalecem a presença dos veículos elétricos no Brasil e seu uso, uma vez que o gestor possuirá a confiança na performance da sua frota.

3- Sabia que nem todos os veículos vão utilizar todo o potencial dos eletropostos?

Atenção ao escolher os veículos e rotas para o seu negócio, pois eles podem não possuir o necessário para atuar em harmonia. Esta afirmação se refere à divergência que os dois podem apresentar referente a potência ofertada pelos eletropostos disponíveis na rota e a que os veículos são capazes de absorver.

Mesmo que o eletroposto consiga disponibilizar uma alta potência, o veículo estará submetido à potência do retificador ao carregar em corrente alternada (AC), e não carregará acima do que este equipamento permite. Por exemplo, o retificador do veículo com a capacidade de 7,4kW não irá acompanhar a potência de um carregador de 22kW, este vai se limitar a enviar somente 7,4kW para o veículo e deixará de utilizar todo o potencial do equipamento, com a ressalva de que isto pode mudar para recargas DC (corrente contínua), pois a limitação não é o retificador, mas sim outros mecanismos, além de geralmente serem melhor aproveitadas. Para mais informações técnicas, acesse o conteúdo do blog da Voltbras: entenda as especificações técnicas do seu carregador.

Planejar com cautela a escolha do veículo para os eletropostos da rota a ser percorrida evitará gastos desnecessários e garantirá uma melhor performance da sua logística.

4- Planejador de rotas

Os veículos elétricos são mais eficientes para a realização das rotas, e analisá-los antes de as percorrerem é essencial para o seu planejamento. Uma funcionalidade que será lançada pela Voltbras, e que irá ajudar o gestor a administrar sua frota é o planejador de rotas. Sua funcionalidade consiste em: o cliente acessar o aplicativo disponibilizado pela Voltbras, informar os locais de partida e chegada, assim como o modelo do seu veículo, para então o app traçar a melhor rota, que indique os postos presentes, tempo de cada recarga e duração total da viagem, assim como orientações para otimização da rota.

5- Uma ferramenta de gestão é essencial

Para a melhor performance da sua rota, uma ferramenta de gestão é vital, como a disponibilizada pela Voltbras. Através dela é possível obter dados que irão auxiliar na sua logística, tais quais: histórico de recargas, disponibilidade dos eletropostos, acesso ao histórico de faturamento por estação, dentre outros.

Uma plataforma de gestão é responsável por unir, em um único lugar, as informações que irão auxiliar o gestor a administrar seus veículos e eletropostos, e ter uma visão geral da operação de maneira integrada, facilitada e intuitiva. Para saber mais sobre a importância da gestão na sua operação de frotas elétricas, acesso o conteúdo disponível no blog da Voltbras: 3 motivos para começar com a gestão da sua frota elétrica.

O futuro é elétrico, e você sairá na frente!

A mobilidade elétrica está em avanço constante e planejar as rotas fará sua frota avançar um passo à frente das demais. Saiba mais sobre como se posicionar no mercado ao acessar o site da Voltbras.

Ficou interessado?

Tire dúvidas e realize cotações pelo formulário abaixo, ou nos envie um email.

Assunto